Espirais AKA-SPIN

Espirais são equipamentos de concentração que separam os materiais de acordo com suas diferentes densidades. Elas podem ser usadas para uma faixa de tamanhos de aproximadamente 0,04 a 4 mm e para uma vazão de aprox. 1 – 4 t/h por espiral. Se uma maior vazão é necessária, 2 ou 3 espirais podem ser combinadas em uma coluna. Várias colunas de espiral podem ser conectadas formando bancos de 2, 4, 6 ou 8 espirais com um distribuidor para a alimentação e chutes de coleta para os produtos. Diferentes tipos de espirais para produtos de densidade baixa, alta e intermediária.

Princípio de funcionamento

A polpa (teor de sólidos de 10 – 40 % dependendo da aplicação) é alimentada na parte superior da espiral. Distribuída sobre o equipamento, a polpa se desloca para baixo por gravidade. A este fluxo principal se sobrepõe um fluxo transversal na superfície inferior da espiral orientado para dentro e respectivamente, um fluxo na superfície da polpa orientado para fora. Esta combinação resulta em uma separação das partículas da suspensão dependendo de sua densidade. As partículas com densidade mais baixa, como madeira, carvão ou matéria orgânica, concentram-se nas zonas externas do fluxo. As partículas com maior densidade são transportadas na direção do eixo da espiral.

Características de projeto e vantagens

  • Separação da fração leve pela força da gravidade
  • Separação de minerais pesados de areias de quartzo
  • Separação de até 3 frações: produto de densidade alta, intermediária e baixa

Aplicações

  • Separação de minérios e minerais
  • Processamento de carvão
  • Descarbonetação de areias de construção
  • Remediação de solos por lavagem de solos
  • Processamento de resíduos municipais